faça login ou registe-se aqui
/temas/otoc/imgs/logoOccHeader.png

Mensagem de Ano Novo da Bastonária






Queridos colegas,

O ano de 2020, que todos queremos esquecer, mas que ficará sempre na nossa memória, revelou-se de tremendos desafios e de uma ainda maior superação pessoal e profissional. Fomos (e somos) verdadeiros heróis. Os heróis silenciosos das empresas, da economia e da sociedade civil.

Aguentámos estoicamente todos os novos e aterradores obstáculos que se apresentaram ao longo de meses a fio e apesar de enormes preocupações pessoais e familiares, não só assegurámos sempre as nossas obrigações profissionais como, pelo menos, quintuplicámos o valor que acrescentamos aos nossos clientes.

Perante tantos reptos em simultâneo, eram necessários ajustamentos de grande alcance, num processo de esforço, dedicação e empenho. Reinventámo-nos, realocando serviços e reorganizando modelos de funcionamento, garantindo, a qualquer momento e independentemente da sua situação, que um contabilista certificado tivesse sempre o apoio da Ordem.

Num ano sem paralelo, a Ordem teve, como sua única e exclusiva prioridade, apoiar profissional e pessoalmente os seus membros. E os números estão aí para o demonstrar: prestou cerca de 80 mil esclarecimentos técnicos telefónicos e produziu 55 mil pareceres técnicos escritos. A nossa formação chegou – seja em sala, nos primeiros três meses do ano, online e através das redes sociais – a cerca de 1,5 milhões de pessoas. Foram disponibilizadas dezenas de notas explicativas sobre as constantes novidades legislativas e produziram-se guias, minutas, simuladores e esquemas. Material de apoio fundamental para os profissionais darem resposta ao desespero e ansiedade que tomaram conta dos empresários.

Na componente social, sublinho o impacto do pacote de medidas de apoio profissional e social aos membros, uma iniciativa inovadora e arrojada que permitiu a milhares de contabilistas certificados um apoio crucial ao longo destes penosos meses de pandemia. Paralelamente, obtivemos importantes conquistas junto do poder político, nomeadamente com a regulamentação do regime do justo impedimento, a criação de uma plataforma de apoio ao layoff e planos prestacionais da Segurança Social e a possibilidade da regularização do IVA ser feita pelo contabilista certificado.

Num ano em que tudo poderia correr mal, o balanço está longe de ser negativo. Bem pelo contrário. Os contabilistas certificados são hoje, mais do que nunca, profissionais respeitados, dignificados e valorizados. A profissão encontra-se unida em torno de uma causa comum. A cooperação, partilha e entreajuda altruísta entre colegas, abdicando do seu escasso tempo em favor de parceiros de profissão, é de elogiar e enaltecer. Servimos a profissão, sem interesses nem proveitos, olhando exclusivamente pelo bem comum de todos os colegas. Foram postas à margem divergências de menor relevância e reforçaram-se os valores éticos e deontológicos, pilar fundamental de uma profissão de interesse público.

O ano que se avizinha começa com a vacina – esse farol de esperança –, mas está longe de ser fácil. Os desafios e os escolhos estão por todo o caminho. Viveremos longos meses com a nuvem da pandemia sobre as nossas cabeças e enfrentaremos uma crise económica e social rodeada de incertezas pessoais e profissionais. Mas aprendemos com o passado. 2020 ensinou-nos que somos resilientes, competentes e dedicados. Por isso, olhamos para 2021 com confiança, cientes que conseguiremos reforçar ainda mais a nossa profissão e aumentar o seu valor e reconhecimento, conquistando melhores condições pessoais e profissionais.

Só me resta fazer votos de um fantástico 2021, mais um ano em que podem contar sempre com a minha inteira e exclusiva dedicação. Estou certa que juntos conseguiremos alcançar mais e melhores objetivos. Aliás, fazer mais e melhor, continuará a ser o lema desta instituição que tanto nos orgulha. Feliz 2021!
 
A bastonária
Paula Franco

Lisboa, 30 de dezembro de 2020






Partilhe esta notícia



Voltar
OCC
© 2021. Todos os direitos reservados